sexta-feira, 27 de maio de 2005

Quando a ficção cruza a linha da realidade - Parte II: O Amor

Patch Adams: O amor é contagioso

Ouvi um grupo espírita cantar uma vez : O Amor está no ar. E está mesmo, já que Deus está no ar e seu amor está também contido nele. E, mais uma vez, vamos encontrar pequenos recados que Deus nos envia através das mãos de hábeis diretores de cinema, espalhando seu amor, na forma de ideias, para alguns filmes.

Amar uns aos outros. 

Que mandamento difícil de seguir, principalmente quando o próximo é nosso inimigo. É quando o caldo entorna e descobrimos que não amamos como deveríamos. 

Em “Amor Além da Vida”, o personagem vai aos abismos mais sombrios buscar a esposa que ele tanto amava, mesmo correndo risco de não poder mais sair daquele lugar. “Patch Adams, O amor é contagioso” nem precisa de explicação. O valoroso médico distribui amor em forma de riso.

terça-feira, 24 de maio de 2005

Quando a ficção cruza a linha da realidade - Parte I - A Obsessão

  Adoro cinema, adoro filmes e vez ou outra ouço alguém dizer que esse ou aquele filme é perda de tempo. Sou da geração mais antiga e fiquei na fila, perdendo meu tempo, como assim disse um colega, para conseguir comprar uma entrada para Star Wars. Eu sei, você deve ter torcido o nariz nesse exato momento, mas eu na fila exercitava uma coisa que não tenho. Paciência. Trabalhava ainda que pouco minha reforma íntima. Viu como um cineminha também ajuda a nos reformarmos!

Lá dentro, aguardando o inicio do filme , eu ouvia aquela frase sobre perda de tempo, afinal para alguns, os filmes não ensinavam nada. 

Seria mesmo verdade? 


segunda-feira, 9 de maio de 2005

A Mãe de todas as Mães

Quando me sentei para escrever este pequeno artigo, imaginei como poderia homenagear a todas essas mulheres que se dedicam a ensinar seus filhos a andar, a falar e a amar.

Como iria dizer coisas sobre um delicado ser que Deus criou com tanto carinho e com uma força inimaginável.

As lágrimas que elas derramam se transformam em esperança. As dores que elas sentem se transformam em amor.

Como pronunciar um nome que embora pequeno, traduza uma grandeza tão sublime e que significa tanto para todos nós? Ainda mais nesse mês onde podemos perceber no ar a presença de um sentimento tão forte em relação a elas.